6 Vantagens e Desvantagens da Migração

A migração pode trazer muitas vantagens (melhoria da qualidade de vida, desenvolvimento profissional ou contato com outras culturas) e desvantagens (barreiras linguísticas, exposição a possíveis discriminações ou dificuldade em encontrar trabalho).

Migração é o movimento de pessoas de um lugar para outro, dado pela mudança de residência em busca de novos horizontes pessoais e de trabalho.

Segundo a Organização Internacional de Migração, para 2016, havia mais de 210 milhões de migrantes no planeta.

A migração pode ocorrer dentro das fronteiras do mesmo país ou de um país para outro. Neste último caso, o movimento da população em direção a um país é chamado de imigração.

Uma pessoa pode migrar de um país para outro, forçada por circunstâncias de força maior, como desastres naturais, deslocamentos internos, eventos nucleares ou extrema pobreza.

Da mesma forma, as migrações também podem ocorrer por vontade própria, tudo depende do contexto de cada indivíduo.

Talvez você esteja interessado nos 17 principais tipos de migração.

Vantagens e desvantagens da migração

Vantagens

1- Melhoria da qualidade de vida

A maioria dos imigrantes procura um aumento nas condições de vida padrão. Viver em um ambiente livre de criminalidade, com benefícios para os cidadãos e com a seguridade social, é muitas vezes um motivador comum para estimular o movimento da população de um país para outro.

2- Novas experiências pessoais e profissionais

O novo cenário da vida incentiva os imigrantes a tirarem o melhor proveito deles no ambiente pessoal e de trabalho.

Ao sair de sua zona de conforto, os imigrantes precisam de novos desafios: ser mais independentes, viver sozinhos, poupar, assumir novos compromissos pessoais e profissionais. Tudo no âmbito do crescimento e acumulação de novas experiências.

3- Contato com novas culturas e ampliação do conhecimento

Viajar lhe dá a oportunidade de conhecer novas culturas, cozinhas, meios de transporte, idiomas, tradições e até superar barreiras linguísticas, se for o caso.

Tornar a vida em outro país abre as portas do conhecimento através da história nativa de cada nação, e até mesmo através de visitas aos museus locais ou locais históricos mais representativos do local.

Desvantagens

4- Xenofobia e barreiras culturais

Nem todos os países são hospitaleiros para imigrantes. Em muitas ocasiões, prevalecem culturas de resistência à mudança, nas quais os imigrantes podem ser vítimas de discriminação racial ou comentários xenófobos, por seu país ou região de origem.

5- Barreiras Idiomáticas

Se você optar por migrar para um país com um idioma diferente da sua língua materna, é essencial conhecer pelo menos as noções básicas desse idioma.

Para isso, o mais aconselhável é conhecer os termos elementares a serem desenvolvidos na sociedade: frases básicas para fazer compras, estar familiarizado com os sinais de trânsito e, é claro, lidar plenamente com as saudações e expressões de cortesia.

6- Escassez de oferta de mão-de-obra

O desemprego pode representar uma desvantagem significativa para o imigrante, especialmente se ele decidir morar em outro país sem validar as credenciais acadêmicas e / ou profissionais mantidas no país de origem.

Definitivamente, vivendo em outro país e vivendo a experiência do multiculturalismo, a educação, os preceitos culturais e os valores aprendidos em casa são postos em prática.